Didática e diversidade no curso de publicidade e propaganda. Estratégias pedagógicas para a formação de profissionais críticos

Autores

  • Paula Viegas Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Resumo

Atualmente, as representações de gênero, raça, etnia etc. na publicidade estão sendo frequentemente debatidas e criticadas. Considerando esta problemática como uma questão sistêmica e estrutural, o presente estudo se propõe a realizar uma análise sobre o papel da universidade na atualização e autorreflexão do discurso publicitário através de uma revisão bibliográfica sobre o processo de ensino e aprendizagem no ensino superior. O que se busca descobrir é: como podemos formar profissionais críticos, socialmente responsáveis e que respeitem a diversidade brasileira através de estratégias pedagógicas no curso de Publicidade e Propaganda? Como resultados percebeu-se a importância de manter a sala de aula como um ambiente lúdico e fértil para ideias criativas, através de abordagens interdisciplinares, congregando a comunidade acadêmica na discussão de temas socialmente relevantes. Além disso, o discurso pedagógico não deve ser técnico ou teórico demais, buscando formar profissionais críticos que estejam preparados para enfrentar problemas complexos na sociedade contemporânea.

Downloads

Publicado

2018-07-05

Edição

Seção

Artigos